mnagano.com

bits, bytes e bravata!

Sobre raposas de fogo e porcos que soltam gases

foxkeh.jpgMeu colega Guilherme Felitti publicou em seu blog Chá Quente uma nota de atualização sobre o mascote do Firefox — o Foxkeh —, que agora tem até um blog para ajudar a ampliar a base de usuários desse browser.

Criado pela fundação Mozilla no Japão, Foxkeh é um bom exemplo da fantástica capacidade dos cartunistas japoneses em criar personagens adoráveis e fofinhos, mas que, às vezes, podem não ser bem compreendidos pela cultura ocidental.

No Brasil, muitos não vão ficar indiferentes ao fato do Foxkeh ter, literalmente… well… fogo no rabo, no melhor estilo “labareda” do Casseta & Planeta.

Eu me lembro de um caso semelhante em 2002, quando pesquisava sobre os processadores Hammer (AMD64) na Web e topei com um evento da AMD no Japão — o AMD Developer Conference 2002 Summer — cujo cartaz era esse:

amd_pig.jpg

Passei muito tempo tentando decifrar qual era a graça por trás dessa imagem, já que a mais óbvia para um ocidental leigo e ignorante como eu — um porco soltando gases? — só faria sentido para o concorrente de Santa Clara.

Só fui esclarecer esse mistério anos depois, quando vi pela primeira vez um Katori Buta (uma boa descrição e imagens podem ser vistas nesse blog no post de 14 de agosto), um tradicional utensílio de cerâmica, na forma de porco, usado para queimar o Katori Senko — um tipo de espiral de incenso usado para espantar mosquitos à noite e comum até no Brasil antes dos repelentes elétricos.

Como no Japão a imagem desse objeto está muito associada ao verão, isso explicaria o seu uso no evento da AMD.

Ainda em tempo:

ostangirls.jpgA nota de Felitti também cita uma divertida matéria da Wired — Lamest Technology Mascots Ever que vale a pena ser clicada. Entre os meus favoritos estão o furão (ferret) da BSA que muitos desconfiam ser uma doninha (Weasel, animal pouco confiável segundo a cultura americana) enrustida e os OS-tan um conceito que virou fenômeno na Web onde vários programas (originalmente sistemas operacionais da Microsoft) são personificados como personagens de anime.

(rev.ok)

Anúncios

7 maio, 2007 Posted by | AMD, Internet, Papo cabeça | Deixe um comentário

Vote 3m Mim!

No meu caminho diário de casa para São Paulo, passo ao lado de uma velha propaganda eleitoral de rua que sempre me chama a atenção e me faz pensar…

italo.jpg

Ora por imaginar como seria a plataforma eleitoral de uma pessoa de 18 anos que quer ser deputado federal.

Ora por desconfiar que, apesar de cursar o 2º ano de direito na época, o candidato parece não saber escrever direito.

Bons tempos em que as crianças queriam ser astronautas quando crescidas.

By the way… acabei de notar que 28 é o número do PRTB, partido fundado e mandado por José Levy “Aerotrem” Fidelix da Cruz que, segundo sua Biografia na Web, foi o primeiro apresentador de um programa de informática da TV brasileira lá pelos anos de 1984~85.

Viu só? Quem disse que eu estava escrevendo algo não ligado à tecnologia… :^)

7 maio, 2007 Posted by | Opinião, Papo cabeça | 1 Comentário

General Lee atropela Super Homem

Na semana passada, o CNNMoney.com noticiou que o General Lee — um Dodge Charger R/T 1969 — usado no seriado de TV The Dukes of Hazzard (Os Gatões, no Brasil) foi leiloado por quase 10 milhões de dólares na Internet.

general_lee.jpgSegundo a notícia, a venda realizada no eBayMotors.com foi encerrada na última sexta (04 de maio) com o lance vencedor de 9.900.500 dólares, 1,1 milhão a menos que o carro mais caro já arrematado em um leilão — de acordo com a casa Christie’s, um Bugatti Type 41 Royale Sports Coupe 1931.

O que mais me chamou a atenção nessa história é que ninguém entendeu até agora como alguém pode pagar tanto por um carro, mesmo que famoso.

O carro em si também não é nenhuma raridade. É sabido que vários Lees foram usados durante a produção da série (pelo menos 20 são reconhecidos como autênticos) e que trocam de dono por valores entre 150 a 200 mil dólares cada.

Isso me lembra uma matéria de Bill Mummy, que escreveu para a Comics Scene sobre a irracionalidade do boom do mercado de quadrinhos durante os anos 1990 e sobre a roubada que era especular nesse mercado. Na época, se falava muito de que um exemplar do primeiro número da revista Action Comics (de onde surgiu o Super Homen) foi vendido por 82,5 mil dólares em 1992.

Ele explicou que uma pessoa capaz de pagar tanto por um punhado de papel velho, poderia nem ser um colecionador/especulador, mas alguém motivado por um forte sentimento de nostalgia e que estaria sim, tentando comprar de volta uma parte de seu passado que lhe foi (ou ainda é) tão preciosa.

Poderia ser o caso desse General Lee que, em termos de valores, passou por cima do homem de aço e nem parou para ver o estrago.

Trivia: o CNNMoney.com publicou em 2004 uma lista dos 10 carros mais famosos do cinema e da TV. O General Lee ficou à frente de veículos célebres como o Mustang 1968 (2º colocado) dirigido por Steve McQueen no filme Bullitt, o Batmóvel (5° colocado) da série de TV com Adam West e o fusca Herbie da Disney (8º colocado).

7 maio, 2007 Posted by | Notícia, Opinião | Deixe um comentário

As maiores aplicações Open Source de todos os tempos

Seguindo a moda das listas da PC World americana, o pessoal do eWeek Labs elegeu sua lista dos projetos mais importantes de código aberto de todos os tempos, em especial aqueles que se tornaram parte da rotina de muitas corporações, como o Apache, Firefox, VNC e o próprio Linux Kernel.

The Most Important Open-Source Apps of All Time

7 maio, 2007 Posted by | Notícia, Software | Deixe um comentário