mnagano.com

bits, bytes e bravata!

Canon lança impressora de 199 reais

pixma_ip1800.jpgA Canon traz para o País a nova impressora PIXMA iP1800, um modelo de entrada com resolução de 600 x 600 ppp (pontos por polegada) em preto ou 4.800 x 1.200 ppp em cores, compatível com Windows Vista e com preço sugerido de 199 reais.

Seu desenho segue as últimas tendências do mercado, com gabinete na cor preto brilhante, bem no estilo “black piano” da LG.

Para um equipamento de menos de 200 reais, não se deve esperar muito em termos de recursos além do básico, ou seja, mecanismo de impressão para dois cartuchos, entrada e saída de papel e uma porta USB 2.0.

Nada de leitor de cartões, porta PictBridge ou entrada em separado para mídias diferenciadas, como papel fotográfico.

Pela minha experiência, apesar de a simplicidade ser quase espartana, a Canon não costuma regular miséria no seu sistema de impressão, utilizando nesse caso a tecnologia FINE de alta resolução em cores, capaz de imprimir uma foto 10 x 15 cm em aproximadamente, 70 segundos.

Com a tecnologia de tintas ChromaLife100, a empresa estima que uma foto impressa seja capaz de durar até 100 anos, se arquivada corretamente, ou até 10 anos, se exposta ao meio ambiente protegido apenas com um vidro.

canon__creative_park_logo.jpgAssim como a HP, a Canon mantém um centro de atividades na Web chamada Canon Creative Park. Nele, o usuário pode baixar gratuitamente vários projetos de composições em 3D (animais, veículos, casas), templates para álbum de recortes (scrapbooks) e enfeites, cartões comemorativos, materiais educacionais e calendários.

O centro de atividades também conta com seções especiais onde o usuário aprende um pouco mais sobre fotografia digital.

animal_top_i_e.jpgMais informações aqui.

(rev.ok)

Anúncios

14 agosto, 2007 Posted by | Dicas, Faça você mesmo, Fun Stuff, impressoras, Notícia | 1 Comentário

Motorola abre 60 vagas para estágio

A Motorola acaba de divulgar que está abrindo 60 vagas para seu programa de estágio Motopráxis para estudantes das áreas de Engenharia, Exatas, Humanas e Direito. A empresa oferece remuneração e benefícios.

O Motopráxis abrange os seguintes programas:

Vôo Brevê — Para estagiários de ensino médio, colégios técnicos e aprendizes do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Vôo Maior — Para estagiários de ensino superior.

Vôo de Escolta — Voltado aos funcionários que são mentores dos estudantes.

Para se candidatar ao programa, os estudantes devem ter previsão de formatura entre dezembro de 2008 e dezembro de 2009, e disponibilidade de tempo para 80, 120 e 160 horas mensais, de acordo com a área.

Os candidatos também deverão ter inglês em nível avançado ou fluente, além de bons conhecimentos de informática.

Para participar do processo de seleção, os estudantes devem cadastrar seus currículos na Internet — a partir de 15 de agosto até 31 de outubro — no site da Motorola ou no da Manpower.

Veja também:

Dell abre vagas para analista de suporte de aplicações

(rev.ok)

14 agosto, 2007 Posted by | Dicas, Notícia | Deixe um comentário

Recuperando a partição oculta do ThinkPad/Lenovo 3000

A Lenovo talvez tenha sido uma das primeiras empresas a implementar uma partição oculta no disco rígido de seus PCs, como parte da sua estratégia de backup e recuperação de dados de seus produtos das linhas ThinkPad/ThinkCentre e, mais recentemente, a Lenovo 3000.

O uso desta partição oculta em conjunto com suas ferramentas ThinkVantage e Lenovo Care, permite rotinas, backup e recuperação de dados bastante sofisticados, a ponto de o sistema ser capaz de recuperar o computador de um crash do sistema — incluindo os dados do usuário — ou reinstalar uma imagem limpa, como ela veio da fábrica — algo útil por exemplo, caso o usuário queira passar seu computador para outra pessoa.

Para se ter acesso a estas ferramentas de manutenção, basta pressionar a tecla F11 durante o boot do sistema.

O problema é que, dependendo de alguma operação fora do normal que mexa de algum modo com o particionamento do disco, corre-se o risco de o gerenciador de boot do HD perder o acesso à essa partição de serviço. Assim, a tecla F11 pára de funcionar, deixando o usuário sem acesso à sua cópia do sistema operacional, já que a empresa não fornece mais CDs de recuperação de sistema.

Um dos modos de resolver esse problema é utilizar um pequeno utilitário meio obscuro (e vagamente citado em algumas páginas de suporte da Lenovo) chamado rnr31_rrd.exe para sistemas com Windows XP e o novo rnr40_rrd.exe, específico para computadores com Windows Vista.

Esses programas servem para criar um disquete de inicialização que restaura o boot sector para o padrão de fábrica, além de reativar a função F11.

A partir desse disco, pode-se criar um CD de boot para ser usado em sistemas sem unidade de disquete.

Esses arquivos podem ser baixados na página de suporte da IBM.

Outra estratégia mais simples seria a criação de CDs ou de DVDs de recuperação de sistema, o que pode ser feito com o utilitário Rescue and Recovery, da Lenovo.

Mais detalhes sobre esse aplicativo, e os seus diversos cenários de uso, podem ser encontrados aqui.

(rev.0k)

14 agosto, 2007 Posted by | Dicas, Lenovo | 1 Comentário